Sábado, 15 de dezembro de 201815/12/2018
83 98876-3375​⁠​
Parcialmente nublado
24º
27º
28º
Bayeux - PB
Erro ao processar!
Rádio Auge
SAÚDE
PROJETO SOCIAL NOSSO JARDIM SUSTENTÁVEL
As ações já reutilizaram mais de 2.000 pneus, acabando com 22 pontos de lixo da cidade de Bayeux.
Revista Bastidores PB BAYEUX - PB
Postada em 18/07/2018 ás 18h26 - atualizada em 18/07/2018 ás 18h29
PROJETO SOCIAL NOSSO JARDIM SUSTENTÁVEL

Assessoria

Este projeto foi criado por Welton Cardoso, filho da cidade de Bayeux, morador do bairro do SESI, formado em Gestão Ambiental. Esta iniciativa surgiu, devido ao grande número de pontos de lixo existentes nesta cidade, essa era uma realidade que o incomodava muito. Então, usando o seu conhecimento e buscando informações, ele resolveu criar um projeto para eliminar os pontos de lixo, ajudar a acabar um dos melhores criadouros do mosquito da dengue, que é os pneus e substituir o lixo por belos jardins. As ações já reutilizaram mais de 2.000 pneus, acabando com 22 pontos de lixo da cidade de Bayeux.              


O projeto começou com a ajuda de familiares e alguns amigos, e hoje já virou uma corrente do bem, muitas pessoas já fazem o jardim por conta própria ou entram em contato com Welton Cardoso pedindo à implantação do mesmo. Welton neste mesmo segmento, já fez um campinho na Vila São Paulo, no Baralho, está concluindo junto com Williano Rodrigues, um grande apoiador do projeto, a 1° Praça com conceito sustentável da cidade, no Jardim Aeroporto, também está implantando no Mutirão, em parceria com Projeto Hulk e já está organizando para estendê-lo às cidades vizinhas, que já está em estudo de se fazer no Geisel uma praça sustentável, a pedido do Conselheiro Tutelar Piragibe Lucena e implantar um Jardim Sustentável em Tibiri, a convite do Pastor João


Além de acabar os pontos de lixo, o projeto tem o intuito de conscientizar às pessoas, de que a responsabilidade não é apenas de nossos gestores, mas de todos nós. A maior dificuldade de se implantar o projeto é conseguir doações dos materiais, mas com força de vontade e a colaboração da comunidade, dá certo.


“Atitudes como esta, muita gente não valoriza, mas quem tinha um ponto de lixo em sua porta, sabe a importância que este singelo projeto tem, fico muito feliz e agradecido à Deus por Ele ter me dado a oportunidade de ajudar o próximo,” diz Welton Cardoso.


 


 


 


 


 


 

FONTE: Assessoria
tags:
• cidade
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
204
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium