Quinta, 14 de dezembro de 201714/12/2017
83 98876-3375​⁠​
Parcialmente nublado
23º
23º
28º
Bayeux - PB
Erro ao processar!
POLÍTICA
ENTREVISTA COM ADALBERTO DE MIRANDA, SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO
Essa é a primeira de uma série de entrevistas que faremos com os secretários
Revista Bastidores PB BAYEUX - PB
Postada em 23/11/2017 ás 11h33 - atualizada em 27/11/2017 ás 11h02
ENTREVISTA COM ADALBERTO DE MIRANDA, SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO

Revista BastidoresPB

Na última segunda-feira 20, Adalberto de Miranda Oliveira, a convite do Prefeito Interino Luiz Antônio, assumiu a Secretaria de Educação. Fizemos uma entrevista com o Secretário para que ele pudesse falar um pouco sobre seu trabalho à frente da Secretaria e suas expectativas na função, além de, como educador, falar sobre certos aspectos educação atual.


Essa é a primeira de uma série de entrevistas que faremos com os secretários, aproximando seu trabalho da população para uma melhor compreensão das secretarias e suas atribuições.


 


Como está sendo estar à frente da Secretaria de Educação?


Adalberto de Miranda: Um grande desafio, pelo porte da Secretaria, seu orçamento, número de funcionários, e pela qualidade dos profissionais que temos na rede municipal.


 


Há menos de uma semana você já pode traçar um perfil da Secretaria em Bayeux?


Adalberto de Miranda: Sim, o perfil de muito trabalho e dedicação daqueles que aqui atuam, com muita competência.


 


Como foi sua aceitação junto aos profissionais da educação?


Adalberto de Miranda: É difícil dizer sobre aceitação das pessoas, não existe unanimidade. Porém, posso dizer que pra mim é um orgulho e um privilégio atuar com os profissionais da rede municipal de ensino. Meu relacionamento tem sido muito bom com a equipe de trabalho e espero ampliar esta relação através de uma gestão bem presente nas nossas unidades.


 


Você acredita que sua formação como ciências biológicas contribui para sua atual ocupação como Secretario de Educação?


Adalberto de Miranda: Sem dúvida. Eu poderia ser médico, administrador, advogado, ou formado em qualquer outra área, e ter uma boa atuação como gestor. Porém, em determinadas questões, a formação de professor de ciências biológicas me dá suporte para vencer certas situações.


 


Profissional e pessoalmente o que essa nova função lhe traz, quais os desafios e as conquistas?


Adalberto de Miranda: Com certeza esta oportunidade me traz o desafio de começar do zero mais um capítulo da minha vida profissional. Realizar uma gestão de pessoas e recursos, de forma atuante, mas principalmente aplicar tudo aquilo que acredito ser importante na educação, no atendimento ao nosso público, seja ele na educação infantil, no ensino fundamental – Educação de Jovens e Adultos, ou no Polo Presencial.


 


Quais os projetos você vem desenvolvendo para o futuro da Secretaria?


Adalberto de Miranda: Nesse pouco tempo à frente da secretaria, já visitamos quase todas as nossas unidades, e encontramos alguns problemas estruturais e de manutenção nas mesmas, que estamos planejando durante o ano realizar estas obras, de manutenção e ampliação. Precisamos ter um ambiente saudável, confortável, para nossos alunos e para os nossos profissionais que ali atuam. De acordo com a grande demanda de alunos que temos hoje em Bayeu. Em breve teremos novidades que com certeza passaremos a toda imprensa.


 


Qual análise você pode fazer da educação nacional atualmente, tanto da parte da docência quanto o envolvimento da família como função “educadora”?


Adalberto de Miranda: Sou defensor incondicional dos profissionais da educação, e jamais colocaria a culpa nestes dos problemas que a educação enfrenta em nosso país.
Com muita luta, dedicação, empenho, nossos profissionais vêm se esforçando para atender a alta demanda de alunos por sala, a cobrança por resultados (índices de avaliação), e a pressão da sociedade que cada vez mais se escora nas instituições de ensino para suprir o que a mesma não oferece aos seus pequeninos.
Seria bom que a família estivesse mais presente, apoiando nosso trabalho, e não nos questionando ou pressionando. Mas sabemos que esta não é a realidade, e precisamos focar em soluções para os problemas.


 


Espaço para suas considerações finais.


Primeiramente agradecer ao Prefeito Luiz Antônio por esta oportunidade. Estou consciente do tamanho do desafio que é ‘estar’ Secretário de Educação em uma cidade como Bayeux. Mas também muito feliz com esta chance de atuar na área de minha formação e fazer a diferença na vida de milhares de pessoas através de nosso trabalho. Me sinto privilegiado também pela equipe de trabalho que tenho ao meu lado. Que Deus nos capacite para corresponder as expectativas.


 


 


 


 


 

FONTE: REVISTA BASTIDORESPB
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
534
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium